GAY BLOG BR by SCRUFF

Laerte Coutinho usou o Twitter para contar que foi vacinada contra Covid-19 na sexta-feira, dia 26 de março. Ela recebeu a primeira dose do imunizante na Unidade Básica de Saúde de São Remo, na zona oeste de São Paulo.

Em janeiro, Laerte tinha contraído o coronavírus e ficou dez dias internada no hospital Instituto do Coração, fazendo um apelo para que as pessoas usem máscaras e respeitassem o isolamento social. O estado de saúde dela piorou e ela precisou ser internada na UTI, mas acabou tendo alta do hospital no dia 31 de janeiro.

Além dela, a apresentadora Ana Maria Braga também recebeu a primeira dose da vacina no dia 26. Alcione e Milton Nascimento também. Já hoje de manhã, o Butantan comunicou que criou a ButanVac, a primeira vacina 100% brasileira contra Covid-19 e que a produção deve se iniciar ainda este ano.

Dois meses após internação, Laerte Coutinho comemora primeira dose da vacina
Reprodução

Ícone

Nascida na capital São Paulo, em 1951, Laerte passou quase 60 anos se expressando e sendo identificada como homem, até que decidiu revelar sua identidade de mulher transexual. Uma das cartunistas mais reconhecidas do Brasil, Laerte teve três filhos e passou por três casamentos. Um documentário da Netflix acompanha uma investigação sobre o mundo feminino na intimidade do cotidiano. Durante uma reforma em casa, Laerte se pergunta sobre se deve ou não fazer um implante de seios: a partir desta questão, desenrola-se uma série de questionamento sobre o que é, afinal, ser mulher.

Quando estudava na Escola de Comunicações e Artes da USP, Laerte Coutinho criou a revista experimental Balão, em 1972, com o cartunista Luiz Gê. Também colaborou com periódicos como O Pasquim, Correio Braziliense e Zero Hora. Em 1974, filiou-se ao Partido Comunista Brasileiro (PCB) e participou da campanha eleitoral do Movimento Democrático Brasileiro (MDB) produzindo material de campanha. Nos anos 80, se confirmou como uma das cartunistas mais premiadas nas artes gráficas brasileiras. Na década de 90, atuou como roteirista na Rede Globo em programas como TV Pirata e Sai de Baixo.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF (Google Play ou App Store) está disponibilizando gratuitamente a versão PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".