GAY BLOG BR by SCRUFF

No dia 29 de janeiro será comemorado o Dia da Visibilidade Trans. Para marcar a data, a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), promove uma programação especial de atividades na capital paulista. A programação da Semana da Visibilidade Trans inclui a divulgação, na sexta-feira, dos resultados da fase quantitativa do primeiro mapeamento Trans realizado na cidade de São Paulo. Os pesquisadores ouviram 1650 pessoas trans de diversos bairros.

Ainda na sexta-feira, no encerramento da programação, haverá o lançamento da placa de reinauguração do Centro de Referência de Defesa da Diversidade CRD, que passa da administração da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, para a SMDHC, e recebe o nome de Brunna Valin, em homenagem à ativista trans morta em 2020.

Nesta quarta-feira, (27/1) às 16h, será realizada nas redes sociais da SMDHC (Youtube e Facebook) a live “Como fazer a trans formação na cultura das empresas”, um bate papo importante para o reconhecimento das dificuldades de acesso que a população trans enfrenta no mercado de trabalho e as barreiras a serem derrubadas quando inseridas no ambiente corporativo. Participarão do bate papo as ativistas Aline Moreira, Gabriella Bueno e Fê Maidel, com a mediação de Ricardo Olimpio.

Dados da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA), revelam que para a maioria das pessoas trans, o mercado de trabalho formal ainda é sinônimo de uma luta a ser vencida. Um último levantamento informa que no Brasil, 90% desta população tem a prostituição como fonte de renda e possibilidade de subsistência.

“A População Trans é um dos grupos sociais mais vulneráveis da cidade, seja à violência, à discriminação e ao preconceito que o machismo e a transfobia exercem ainda nos dias de hoje. A gestão municipal tem um olhar muito atento para o combate a esse tipo de discriminação e por isso o investimento nesse programa, que na realidade é um programa de garantia de direitos”, explica a secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Claudia Carletto.

O Programa Transcidadania da Prefeitura de São Paulo, sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, oferece uma bolsa mensal para pessoas trans que se comprometem a buscar a progressão escolar, nas escolas públicas referenciadas, que oferecem um ambiente mais propício para essa diversidade. O Programa é descentralizado nos Centros de Cidadania LGBTI da prefeitura, onde as participantes têm apoio psicológico e de assistência Social, reforço escolar, e cursos e oficinas de capacitação para aumentar as chances de entrada no mercado de trabalho formal.

De terça a sexta-feira, 26 a 29/01, serão promovidos eventos na forma de lives sobre diversos aspectos da temática da transexualidade, abordando políticas públicas relacionadas a questões de enfrentamento ao preconceito e à violência, atendimento e tratamento de saúde e dificuldades de mulheres transexuais e homens trans para se inserir no mercado de trabalho. Por conta dos cuidados necessários para prevenção da Covid-19, os eventos serão todos online e transmitidos pelas redes sociais da SMDHC.

SERVIÇO SEMANA VISIBILIDADE TRANS

27/01, quarta-feira às 16h

  • Live: Como fazer a trans formação na cultura das empresas
  • Convidados: Aline Moreira, Gabriella Bueno, Fê Maidel
  • Mediador: Ricardo Olimpio
  • Link do Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=-fiG6Wbq1lg
    Link do Facebook: será criada no dia

Data 28/01 às 19h00

  • Debate: A saúde e as dificuldades da pessoa trans
  • Convidados: Dr. Ricardo Martins CRT, Pedro Pires (psicólogo), Dr Daniel Mori
  • Mediadora: Fê Maidel
  • Link do Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=8vaZ9X4NaNY
  • Link do Facebook: será criada no dia

Data: 29/01 às 14h00 – Dia da Visibilidade Trans

  • Apresentação do Resumida do Relatório da 1° Fase do Mapeamento Trans
    – Abertura com coordenador de políticas para LGBTI Mansur Bassit
    – Fala da Secretária Ana Cláudia Carletto
    – Fala do Vereador Eduardo Suplicy
    – Apresentação do Relatório pelo pessoal do CEDEC
  • Link do Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=Ddfj5DVO05k
  • Link do Facebook: será criado no dia

Data: 29/01 às 15h00 – Dia da Visibilidade Trans

  • Lançamento do Calendário Trans 2021
  • Organização: Centro de Cidadania LGBTI Claudia Wonder
  • Convidada: Jogê Pinheiro – artista e jornalista
  • Instagram: @casarao_brasil @politicaslgbti

Data 29/01 às 18h00

  • Evento presencial, fechado, para marcar a transição do CRD da SMADS para a SMDHC e a inauguração da Placa com o nome CRD Brunna Valin.
  • Convidados: Secretária Claudia Carletto, Floriano Pesaro, Eduardo Barbosa e equipe da coordenação de Políticas para LGBTI.
  • Com transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube da SMDHC

Centro de Cidadania Edson Neris

  • Exposição de Histórias de Vida e Mural Trans
    Data: 26 a 29/01 das 9h às 18h
  • Curadoria e apresentação de vídeos
    Data: 26 a 29/01 das 9h às 18h

Centro de Cidadania Luana Barbosa

Organização da Parada Gay

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"

1 COMENTÁRIO