GAY BLOG BR by SCRUFF

A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, anunciou nesta quarta-feira, dia 8 de dezembro, que a cidade vai reconhecer o casamento homoafetivo, sendo considerado um avanço importante para o Japão. As informações são do G1.

O Japão é, até o momento, o único país do G7 que não reconhece a união homoafetiva e sua Constituição estipula que “o casamento deve ocorrer apenas com o consentimento exclusivo de ambos os sexos”. No entanto, as autoridades japonesas estão trabalhando para reconhecer as uniões homoafetivas e os ativistas tomaram medidas legais para provocar uma mudança em todo o país.

“Em resposta aos desejos dos residentes de Tóquio e daqueles afetados por este problema, desenvolveremos um princípio básico para reconhecer as uniões do mesmo sexo neste ano fiscal”, declarou a governadora Koike.

Ativistas do grupo ‘Casamento para Todos Japão’ comemoraram o anúncio pelo Twitter, mas enfatizaram que “a união não tem o mesmo efeito jurídico que o casamento”.

“Governo nacional, reconheça logo o casamento igualitário”, acrescentaram.

Shibuya, em Tóquio, foi o primeiro lugar do Japão a distribuir o certificado de união homoafetiva no ano de 2015. Apesar de ser apenas simbólico, foi considerado um passo importante para os casais LGBTQIA+.

Tóquio irá reconhecer casamento homoafetivo
Reprodução

Em março, o tribunal distrital de Sapporo, no Japão, considerou neste dia 17 de março que é inconstitucional não reconhecer o casamento civil homoafetivo, segundo o artigo 14 da Constituição que defende que todos os cidadãos são iguais perante a lei. As informações são da Época.

A decisão se deu após três casais homoafetivos terem entrado com ações judiciais em 2019 pedindo indenização pelo sofrimento psicológico causado por não poderem casar, sendo que cada um deles pediu o equivalente a R$ 50 mil. A indenização financeira não veio, mas eles acabaram simbolizando mais um passo da luta dos LGBTQIA+ pelo mundo.

Na ocasião, a deputada Kanako Otsuji, uma das poucas políticas abertamente LGBT no país asiático, disse estar muito feliz com a decisão e apelou ao Parlamento para que delibere uma proposta para tornar possível o casamento gay.

Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia"