GAY BLOG BR by SCRUFF

This article is also available in: English Español

Não dá para negar que 2020 foi um ano desafiador. Ficamos isolados em quarentena por causa da Covid-19, sem poder ver a família e os amigos, em alguns casos perdendo renda ou o emprego e, em geral, encarando uma mudança radical na vida que levávamos antes da pandemia do coronavírus. Mas 2021 já começou diferente: com a chegada de várias vacinas, podemos vislumbrar um ano um pouco melhor.

Quando o coronavírus for superado, muita gente provavelmente vai esquecer boa parte das dificuldades pelas quais passamos nesse período, mas acho importante manter certas lições bem vivas dentro de nós. No futuro, quando pararmos para pensar sobre a pandemia, será importante lembrar o que aprendemos de bom nesse período tão difícil –especialmente o que mudou para melhor nas nossas vidas.

Se a pandemia me trouxe uma lição, foi a de não me preocupar além da conta com aquilo que eu não posso controlar. Ver a vida dessa forma me ajudou a colocar em perspectiva quais são as coisas com as quais eu realmente devo ocupar meus pensamentos e sentimentos –e quais eu devo deixar passar porque estão além do meu alcance. E me ensinou a arte sutil de não dramatizar além da conta. No final, tudo sempre dá certo, de uma forma ou de outra.

7 resoluções para viver melhor em 2021 | Orkut Buyukkokten
7 resoluções para viver melhor em 2021 | Orkut Buyukkokten

Então, focando naquilo que eu posso controlar, listei mais algumas resoluções importantes para viver melhor não só neste ano mas também em todos os outros que virão:

Estar bem perto de quem eu amo

A quarentena me trouxe a possibilidade de passar mais tempo conversando com minha família e meus amigos. Quando o mundo se abrir novamente, quero continuar a aprofundar essas relações. Para mim, foi maravilhoso renovar e reforçar esses relacionamentos e perceber que as pessoas que amamos e que nos amam são o que há de mais importante na vida.

Focar no que me faz feliz

Outra coisa que aprendi com as privações de 2020 é que é melhor pensar nas coisas que tenho do que ficar lamentando o que me falta. Quando bate a saudade de uma festa com os amigos, em vez de ficar triste com isso escolho me alegrar por ter pessoas tão queridas ao meu redor, ainda que precisemos ficar fisicamente distantes neste momento. Ver a vida dessa forma me mostra quais são as coisas boas pelas quais eu sou grato e o que realmente me faz feliz.

Apreciar as pequenas gentilezas e belezas

A pandemia deixou (quase) todo mundo no mesmo barco. Quando estamos em casa, no final das contas, o que importa não é quanto dinheiro temos na conta, dirigir um carrão ou passar férias num lugar paradisíaco. O que realmente faz diferença é a gentileza que damos e recebemos: um sorriso que ilumina o dia de uma pessoa, um “obrigado” para reconhecer o trabalho de alguém, acordar com um lindo nascer do sol…

Liberar meu lado selvagem

Já que o mundo está todo virado mesmo, por que não deixar o medo e a vergonha de lado e colocar em prática os desejos que nunca tivemos coragem de realizar? Participar de uma aula (online) de improvisação, cantar alto e dançar loucamente na sala, vestir a camisa mais doida com seu jeans. Ainda não sei o que vou escolher em 2021, mas estou a fim de expandir meus limites e meus horizontes –e te aconselharia a fazer o mesmo!

Provar mais sabores da vida

Abraçar a diversidade é uma bandeira que eu carrego com orgulho, não só na causa gay mas também na minha vida. Em vez de fazer o mesmo de sempre, posso colocar isso em prática no meu dia a dia falando com alguém com quem nunca pensei em conversar, lendo um livro com uma perspectiva diferente da minha, contratando alguém que não se encaixa no padrão e abrindo a mente para outros pontos de vista. Pra quem está solteiro, fica a dica: que tal sair com uma pessoa totalmente diferente de você? Esse pode ser o caminho para encontrar o amor da sua vida, como eu conto aqui.

Me divertir com hobbies esquecidos

Como algumas pessoas, eu ganhei mais tempo livre durante a pandemia. Isso me permitiu, por exemplo, reavivar hobbies antigos, como tocar teclado, desenhar, ler, colorir e até mesmo voltar às minhas raízes na ciência da computação e programar. E você? Não tem um hobby esquecido que pode sair da gaveta neste ano? Te desafio a listar alguns deles –e mãos à obra!

Aprender mais, aprender sempre

Esse período de isolamento me mostrou a importância de abrir espaço na agenda para a diversão e o enriquecimento pessoal. No ano passado, aproveitei o tempo ocioso também para explorar novos interesses, desenvolver habilidades diferentes. E agora “aprender sempre” virou um lema que eu quero adotar para o resto da vida.

Em resumo, essas são as minhas resoluções para viver 2021 da melhor maneira possível, aconteça o que acontecer. E as suas, quais são? Me conta aqui nos comentários?

This article is also available in: English Español

Join our community of 15+ million guys

Find guys looking for the same thing with SCRUFF Match. Volunteer to be a SCRUFF Venture Ambassador to help out guys visiting your home city. Search an up-to-date agenda of the top parties, prides, festivals and events. Upgrade your game with SCRUFF Pro and unlock 30+ advanced features. Download SCRUFF here.

Empreendedor pioneiro em mídias sociais de São Francisco e cofundador e CEO da hello.com, dedica-se a reunir pessoas, online e offline. Construiu uma das primeiras redes sociais, o orkut.com, que inspirou mais de 300 milhões de usuários ao redor do mundo a se unirem e fazerem conexões autênticas. Orkut é gay e militante da diversidade e da igualdade. Comentarista frequente sobre impactos positivos e negativos das redes sociais, também é um ávido programador, barman e massagista profissional. Adora dançar e é conhecido por fazer uma das melhores festas durante o Pride em São Francisco. Acompanhe o Orkut em instagram.com/orkutb e participe da nova rede social: hello.com