This article is also available in: Español

GAY BLOG BR by SCRUFF

Uma mulher trans de Natal, no Rio Grande do Norte, receberá uma indenização por danos morais no valor de R$ 12 mil por ter sido impedida de utilizar o banheiro feminino em uma estação de trem da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU).

O caso aconteceu quando a mulher foi abordada por vigilantes que disseram que ela precisaria se dirigir ao banheiro masculino. A mulher trans mostrou sua identidade constando seu nome e identificação como do sexo feminino, mas não teve sucesso.

A defensora pública federal Lorena Costa Dantas Melo disse que este é um típico caso em que a lei foi descumprida pelos vigilantes: “nesse sentido esta claro que ao tentar utilizar o banheiro feminino, a assistida estava em pleno gozo de seus direitos, agindo os vigilantes em desfavor da lei e cumprindo um papel arbitrário e discriminatório que não mais se coaduna com a realidade social e jurídica do país”.

“É um perfeito exemplo de violação à dignidade da pessoa humana. Ao ser impedida de utilizar o banheiro da companhia de trens, a assistida teve seu direito profundamente violado, o que não se admite no Estado democrático em que vivemos”, asseverou a defensora na petição inicial da ação de indenização por danos morais.

Trans impedida de usar banheiro feminino será indenizada com R$ 12 mil
Reprodução

O juiz federal José Carlos Dantas Teixeira de Souza, da 3ª vara federal da Seção Judiciária do Rio Grande do Norte, reconheceu o dano moral sofrido e condenou a CBTU o pagamento como forma de reparar os danos causados a mulher trans.

“Sendo a autora transgênero não poderia ser abordada para que se retirasse do banheiro feminino, tendo ocorrido uma abordagem indevida e discriminatória, uma vez que a autora possuía o direito de usar o banheiro feminino, pois além de ser transgênero a autora tinha a documentação”, entendeu o magistrado.

O número do processo e nem o nome da trans foi divulgado. Com informações do UOL.

This article is also available in: Español

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".