GAY BLOG BR by SCRUFF

Simulador já passou da marca de 150 mil jogadores, segundo site de dados SteamSpy

ss_fa5909f0990839799c6ff36916bd9a343bffb2d2.1920x1080

“Dream Daddy”, um game de encontros entre pais gays, tem feito sucesso na Steam, a principal plataforma de jogos para PC. O game já passou da marca de 150 mil jogadores e aparece na lista de mais vendidos no mundo todo, segundo o site de dados SteamSpy.

ss_b20a633c95db04070aa952c675b2b84db5324132.1920x1080

Em “Dream Daddy”, você cria e controla um pai que se muda com a filha Amanda para uma cidade costeira após sua antiga parceira (ou parceiro, você decide) morrer. Chegando lá, você descobre que todos no seu bairro são pais solteiros dispostos a sair para se divertir. E tá aí o objetivo do jogo: se encontrar e flertar com outros pais bonitões.

ss_c0c7764de392de3a38ba8769f4887b1b1460aadd.1920x1080

 

“Dream Daddy” foi lançado no final de julho e é um jogo do gênero de simuladores de encontros. Nesse tipo de game, as interações acontecem na maioria das vezes em conversas, escolhendo o que você deseja falar para os outros personagens.

dreamdaddy1Mas “Dream Daddy” também tem alguns mini e micro-jogos divertidos. Um deles imita uma batalha dos games antigos da série “Pokémon”. A imagem fica em preto e branco, entra aquela trilha sonora de videogame dos anos 1980, e os dois pais “duelam” para ver quem tem a filha mais legal.

Mais informações: 
http://store.steampowered.com/app/654880/Dream_Daddy_A_Dad_Dating_Simulator/

Conheça os jogos que possuem personagens gays.


Com informações do G1




Junte-se à nossa comunidade

Mais de 20 milhões de homens gays e bissexuais no mundo inteiro usam o aplicativo SCRUFF para fazer amizades e marcar encontros. Saiba quais são melhores festas, festivais eventos e paradas LGBTQIA+ na aba "Explorar" do app. Seja um embaixador do SCRUFF Venture e ajude com dicas os visitantes da sua cidade. E sim, desfrute de mais de 30 recursos extras com o SCRUFF Pro. Faça download gratuito do SCRUFF aqui.

2 COMENTÁRIOS

  1. […] “Dream Daddy”, continua Hill, “lançado em 2017 e estrelado por um pai solteiro procurando namorar outros pais solteiros, apresentado em um vídeo Markiplier com 6,8 milhões de visualizações, um sinal de que os jogos de romance amigável LGBTQ + estavam começando a se popularizar. Enquanto isso, listas estreitas das cenas de sexo “mais escaldantes” dos games revelam sem querer o triste estado dos títulos de grande orçamento, repetindo jogos antigos como Mass Effect e The Witcher. Nem todo jogo precisa de sexo, mas para um assunto que é fundamental para a experiência humana, os jogos convencionais ficam bem atrás de outras mídias ao retratá-lo de forma séria e confiável”. […]