Luiz Carlos Lima, que ficou famosíssimo em meados de fevereiro após ter postado um vídeo sobre a injustiça de nunca ter conseguido um “green card” da The Week (cartão que dá benefícios, como entrada gratuita na boate), anunciou que é candidato pelo partido Rede Sustentabilidade ao cargo de vereador na cidade de Guarulhos.

GAY BLOG BR by SCRUFF

Sua frase retórica que viralizou, “Cadê meu green”, deu origem ao endereço do site de sua campanha:

“Candidato a vereador na cidade de Guarulhos nas eleições de 2020 pelo partido Rede Sustentabilidade com o número 18800. Acesse o site cademeugreen.com.br e conheça um pouco da história do portal. Siga as redes sociais YouTube, Facebook, Instagram, Twitter e Tumblr @cademeugreen. Se você for munícipio de Guarulhos siga as redes sociais da campanha @luizcarloslima18800″, escreveu.

Em seu site oficial “Cadê Meu Green“, ele diz que sua missão é tratar de todos os assuntos que permeiam a sociedade, incluindo “prostituição, drogas, assassinato, corrupção, suicídio, crimes, tráfico de drogas, sexo, sexualidade, religião, homossexualismo, vida após a morte, espíritos, experiência quase morte, física quântica, realidade paralela, traição, orientação sexual, política, saúde, aborto, educação, segurança, esporte, lazer, família, amor, gordofobia, transfobia, homofobia, cotidiano, racismo, depressão, compulsão sexual, amor, poliamor, ódio, ranço e todos os acontecimentos que forem modificando, transformado e impactando nossas vidas.”
Cadê meu green? – Reprodução

Em seu site oficial “Cadê Meu Green“, o candidato diz que sua missão é tratar de todos os assuntos que permeiam a sociedade, incluindo “prostituição, drogas, assassinato, corrupção, suicídio, crimes, tráfico de drogas, sexo, sexualidade, religião, homossexualismo (sic), vida após a morte, espíritos, experiência quase morte, física quântica, realidade paralela, traição, orientação sexual, política, saúde, aborto, educação, segurança, esporte, lazer, família, amor, gordofobia, transfobia, homofobia, cotidiano, racismo, depressão, compulsão sexual, amor, poliamor, ódio, ranço e todos os acontecimentos que forem modificando, transformado e impactando nossas vidas.”

Um dos vídeos que ele gravou para sua campanha (acima), o candidato aparenta estar em um evento realizado durante o isolamento social. Seu novo vídeo repercutiu no Twitter: “Eu não tô conseguindo parar de rir disso, mas por dentro estou muito chocado” – disse GustavoRio; “Fui conferir se era verdade. E é. Eu to perplecto” – disse Bruxa de Wakanda.

Conheça os candidatos LGBTs de 2020 neste link.

THE WEEK EM VERTIGEM

Recentemente, André Almada, cofundador do grupo The Week, fez um apelo em suas redes sociais dizendo não saber “quanto tempo resistirá”, dando a entender que a The Week pode entrar em falência.

“Será a vacina a única solução para o setor de eventos?” – pergunta Almada. “Como controlar esse distanciamento quando estamos falando de uma balada? É praticamente impossível manter o distanciamento entre as pessoas nesse caso e o julgamento público é implacável”, disse.

Desde o começo de setembro, o prefeito de São Paulo Bruno Covas anunciou que buffets e casas noturnas poderão funcionar como restaurantes sem a necessidade de um novo alvará de funcionamento.

Junte-se à nossa comunidade

O app SCRUFF está disponibilizando gratuitamente a assinatura PRO no Brasil, com todas as funcionalidades premium. Seja Embaixador SCRUFF Venture para ajudar os gays que estão visitando sua cidade. Tenha uma agenda atualizada das melhores festas, paradas, festivais e eventos. São mais de 15 milhões de usuários no mundo todo; baixe o app SCRUFF diretamente deste link.

Jornalista formado pela PUC do Rio de Janeiro, dedicou sua vida a falar sobre cultura nerd/geek. Gay desde que se entende por gente, sempre teve um desejo de trabalhar com o público LGBT+ e crê que a informação é a melhor arma contra qualquer tipo de "fobia".